Luis de Nem do Caípe disse que o pai não queria ele na política